A DIFÍCIL CONFISSÃO (Argumento) – Emílio Figueira

Entre um casal existe uma amizade muito profunda. Com o passar do tempo, ele passa a admirá-la mais do que deveria. Inicialmente, duas questões – formando o conflito principal – invadem sua  mente, numa confusão psíquica: contar e correr  o risco de perdê-la como amiga, não sendo correspondido. Ou nada  dizer e preservar a amizade. Três sub-conflitos (um namorado, uma gravidez e problemas psíquicos por parte dela), criam situações que fazem ele adiar a confissão ao longo do programa, até chegar ao desfecho final que serão dois, correspondendo as expectativas dos telespectadores que decidirá qual irá ao ar.

Emilio Figueira

Por causa de uma asfixia durante o parto, Emílio Figueira adquiriu paralisia cerebral em 1969, ficando com sequelas na fala e movimentos. Militante das questões referentes às pessoas com deficiência desde a década 1980, nunca se deixou abater por sua deficiência motora e vive intensamente inúmeras possibilidades. Nas artes, no jornalismo, autor de uma vasta produção científica como psicólogo e psicanalista, tendo cinco pós-graduações e dois doutorados. Como escritor tem uma variada obra em livros impressos e digitais, passando de setenta títulos lançados, peças teatrais e roteiros audiovisuais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.