AS POESIAS VISUAIS DA INCLUSÃO SOCIAL NO JARDIM DA CASA DAS ROSAS – Por Emílio Figueira



O que é Inclusão Social E Escolar, mesmo?

Talvez essa questão acima seja a primeira dúvida!

Historicamente, pessoas com deficiência ficaram por muito tempo escondidas do convívio social até que, algumas décadas atrás, nasceu o conceito de integração social. Surgiram, por exemplo, entidades, clubes sociais especiais, associações desportivas e centros de reabilitação dedicados a elas. A intenção principal da integração social era preparar essas pessoas para ingressarem e conviverem em sociedade como todos nós.

No ano de 1994, surgiu a “Declaração de Salamanca – Princípios, Políticas e Práticas em Educação Especial”, proclamada na Conferência Mundial de Educação Especial sobre Necessidades Educacionais Especiais. Esse documento reafirmou o compromisso para com a Educação para Todos, reconhecendo a necessidade de providenciar educação para pessoas com necessidades educacionais especiais dentro do sistema regular de ensino.

Assim, um novo conceito ganhou forças: a inclusão escolar e social. Antes, essas pessoas eram habilitadas ou reabilitadas para fazer todas as coisas que as demais por meio da integração social e passavam a conviver conosco em sociedade.

Agora, na inclusão escolar e social, as iniciativas são nossas. Somos nós que estamos nos preparando, criando caminhos e permitindo que elas venham conviver conosco.

E, dentre os infinitos espaços que pessoas com as mais variadas deficiências estão conquistando, a poesia e a fotografia também não poderia ficar de fora!

Estas obras capturadas pelas lentes da fotógrafa Giselle Bohnen do Projeto Ita Vita – Arte Fotografia E Inclusão Social, formam a segunda exposição desse projeto.

As fotografias aqui expostas misturam arte, sensibilidade, registro, idealismo com um compromisso social que, somando tudo, tornam-se verdadeiras e delicadas POESIAS VISUAIS. Aliás, poesias visuais que não poderiam estar em lugar melhor. O belo e poético jardim da CASA DAS ROSAS!

 

Serviço

Exposição “Ita Vita 2″

Abertura 01 de dezembro, às 14hs

Horários: de terça a sexta-feira das 10h às 22h e domingo das 10h às 18h

Local: Jardim da Casa das Rosas, Av. Paulista, 37 – São Paulo

Site do Projeto: www.projetoitavita.com

 

 

Emilio Figueira

Por causa de uma asfixia durante o parto, Emílio Figueira adquiriu paralisia cerebral em 1969, ficando com sequelas na fala e movimentos. Mas nunca se deixou abater por sua deficiência motora e vive intensamente inúmeras possibilidades. Nas artes, no jornalismo, autor de uma vasta produção científica, é psicólogo, psicanalista, teólogo e personal coach com formação em Programação Neurolinguística. Como escritor é dono de uma variada obra em livros impressos e digitais, passando de cinquenta títulos lançados. Ator e autor de teatro. Várias entrevistas na mídia e em jornais. Hoje com cinco graduações e dois doutorados, Figueira é professor e conferencista de pós-graduação, principalmente de temas que envolvem a Educação Inclusiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.