O PSICÓLOGO COMO MEDIADOR NA EDUCAÇÃO INCLUSIVA

A Psicologia é um campo de muitas possibilidades. E uma delas é atuar junto aos profissionais envolvidos em atividades educacionais (professores, diretores, coordenadores, educadores) oferecendo contribuições da Psicologia do Desenvolvimento, Aprendizagem, Ensino, Social, para melhorias nos processos de ensino e de aprendizagem.

Além do processo ensino-aprendizagem e desenvolvimento humano particularmente, algumas das temáticas de atuação dentro da Psicologia Escolar são a escolarização em todos os seus níveis, inclusão de pessoas com deficiências, políticas públicas em educação, gestão psicoeducacional em instituições, avaliação psicológica, história da Psicologia Escolar, formação continuada de professores, entre outras.

Hoje, muitos de nós psicólogos, membros de uma equipe escolar ou não, estamos sendo chamados para auxiliar professores com alunos inclusivos. Tenho recebido inúmeras mensagens de colegas perguntando-me:

Qual o papel e as mediações que um psicólogo deve exercer neste processo de Educação Inclusiva?

São várias possibilidades de mediações.  Inclusive, as inseguranças dos professores, acredito como sempre que a raiz do problema é a falta de informações claras e objetivas. O caminho para sanar tais inseguranças será promovendo encontros e/ou treinamentos de formação e discussões em que sejam apresentadas as novas concepções sobre a inclusão, que falam, sobretudo, das possibilidades de aprendizagem.

Assim elaborei O PSICÓLOGO COMO MEDIADOR NA EDUCAÇÃO INCLUSIVA com estes tópicos de discussão:

  • as pessoas com deficiências e os novos desafios à psicologia;
  • o que é educação inclusiva e sua transição com a educação especial; a Lei Brasileira da Inclusão;
  • as bases psicológicas para a inclusão escolar;
  • habilidades e os efeitos positivos das deficiências;
  • o trabalho junto à equipe escolar; a ansiedade dos professores no processo de inclusão escolar;
  • caminhos da afetividade e o hábito de pesquisar;
  • educação inclusiva é ter pensamentos positivos e focados;
  • provisão de oportunidades equitativas a todos os estudantes;
  • a questão do bullying e os esportes adaptado; a parceria entre família, escola e comunidade;
  • os novos desafios ao ensino superior no Brasil;
  • a universidade e a sociedade inclusiva; as dificuldades de aprendizagem na atualidade.

ONDE ENCONTRAR

O livro digital no formato PDF pode ser adquirido pelo Hotmart por menos de 20 reais, a maio plataforma de produtos digitais do Brasil. Após a confirmação do pagamento, você receberá instruções para baixar o arquivo.

Caso queira a edição impressa pela Agbook clique aqui

Por causa de uma asfixia durante o parto, Emílio Figueira adquiriu paralisia cerebral em 1969, ficando com sequelas na fala e movimentos. Mas nunca se deixou abater por sua deficiência motora e vive intensamente inúmeras possibilidades. Nas artes, no jornalismo, autor de uma vasta produção científica, é psicólogo, psicanalista, teólogo e personal coach com formação em Programação Neurolinguística. Como escritor é dono de uma variada obra em livros impressos e digitais, passando de cinquenta títulos lançados. Ator e autor de teatro. Várias entrevistas na mídia e em jornais. Hoje com cinco graduações e dois doutorados, Figueira é professor e conferencista de pós-graduação, principalmente de temas que envolvem a Educação Inclusiva.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.